ZH Explica

Entenda como será o julgamento do Caso Victor Ramos na Corte Arbitral do Esporte

Tribunal localizado é a última instância desportiva, e pode devolver o clube à primeira divisão

Por Amanda Munhoz
20/03/2017 - 21h00min
Compartilhar:
Foto: Divulgação / Vitória

A Corte Arbitral do Esporte (CAS) atendeu o pedido do Inter e marcou o julgamento do Caso Victor Ramos para o dia 4 de abril, bem antes do início do Brasileirão, nas Séries A e B, e no dia em que o Inter cumprirá 108 anos de vida. Se conseguir fazer com que o Vitória seja punido e perca pontos pela escalação irregular do zagueiro durante o Brasileirão do ano passado, o Inter pode deixar a zona do rebaixamento do campeonato do ano passado e jogar a Série A em 2017 — mexendo no calendário das Séries A e B.

Publicidade

Nos bastidores, porém, não se descarta a seguinte possibilidade: o Inter com ganho de causa na Suíça — com as alegações de "falsificação de documentos" para provar a inscrição irregular o zagueiro do clube baiano —, punições pecuniárias à CBF e ao Vitória, mas a manutenção do calendário brasileiro, uma vez que iria contra as regras do Estatuto do Torcedor — que obriga a CBF a divulgar as datas de suas competições com antecedência.

O caso é inédito e, portanto, não há jurisprudência. O CAS é o último recurso arbitral do esporte.


Compartilhar:

Publicidade